Señoritas : O Segundo Álbum Chega Já em Maio

Dois anos depois de “Acho que É Meu Dever Não Gostar”, o novo álbum das Señoritas – Mitó Mendes (ex-A Naifa) e Sandra Baptista (ex-Sitiados e A Naifa) – é editado no início do mês de Maio. Chama-se “As Saudades que Eu Não Tenho” e, ao duo original, juntou-se na sua gravação Samuel Palitos (programações). A notícia da Lusa:

As Señoritas editam a 5 de maio um novo álbum, intitulado “As saudades que eu não tenho”, que explora um caminho mais pela eletrónica, como contou à agência Lusa Sandra Baptista, uma das criadoras do grupo. Este será o segundo álbum de originais escrito, produzido e interpretado pelas Señoritas, uma dupla formada por Mitó Mendes e Sandra Baptista, que já tinham trabalhado antes n’A Naifa.

Dois anos depois de “Acho que é meu dever não gostar”, Mitó Mendes e Sandra Baptista repetem o trabalho de composição, com a primeira a dar voz e interpretação às letras escritas pela segunda. Ambas tocam ainda baixo, guitarra, e contam, neste novo registo, com o baterista Samuel Palitos, nas programações.

“A grande diferença foi a nível de explorar novos registos, para uma parte mais eletrónica, que o outro abria algum caminho. Este caminho vai mais por aí pelo convite ao Samuel Palitos”, contou Sandra Baptista. Segundo a autora, os dez temas do novo álbum, como “Serve-te”, “Sem vida” e “As memórias”, são “viagens emocionais” das vidas delas e das pessoas que as rodeiam. “Remete-nos para essa viagem emocional, em que olhamos para o nosso passado, em que as coisas foram bem feitas, foram resolvidas. Foram boas, mas já foram vividas, embora continuar para a frente”, explicou.

Mitó Mendes e Sandra Baptista assumem ainda a produção do disco, com apoio de António Bragança, técnico de som, e preparam visualmente um novo espetáculo, por causa das novas canções. “Temos consciência de que Señoritas é um registo muito específico. Somos só duas pessoas, a linha é muito direta, é muito real e não há propriamente um espaço no meio musical em que haja uma comparação com o nosso registo, e sei que isso é um caminho difícil”, admitiu.

Ainda assim, Sandra Baptista, que também fez parte dos Sitiados, recorda que o público tem entrado nesse “universo tão perfeitamente imperfeito” que é a nova vida das Señoritas. “O nosso objetivo não é vender mil discos, não é tocar não sei quantos espetáculos. É mais de chegar às pessoas e fazer com que elas tenham uma outra alternativa, um outro espaço de música e de espetáculo, outra forma de entretenimento”, sublinhou.

As Señoritas têm já algumas datas de apresentação marcadas, nomeadamente a 10 de maio, no Maus Hábitos (Porto), no dia 19, no Salão Brasil (Coimbra), no dia 26, na Casa da Criatividade (São João da Madeira), e, no final do mês, em data a anunciar, na discoteca Lux (Lisboa).

(Nota: Apesar de se chamar “Nova”, o vídeo aqui em baixo é de uma canção do primeiro álbum)