L Burro I L Gueiteiro : Com Segue-me à Capela, Roncos do Diabo, Galandum Galundaina, Torga (e Muitos Outros)

Começa hoje, dia 26 de Julho, em Terras de Miranda/Trás-os-Montes, o festival mais original do nosso país: o aventureiro L Burro I L Gueiteiro – Festival Itinerante de Cultura Tradicional, anualmente organizado pela AEPGA – Associação para o Estudo e Protecção do Gado Asinino. Desta vez, e até dia 30, os passeios de burro têm banda-sonora dada por concertos das Segue-me à Capela (na foto), Roncos do Diabo, Galandum Galundaina, Torga, Senhor Camaleão, Alma Menor, Barba Dixie Band e O Lendário Homem do Trigo (um dos melhores nomes da música portuguesa de sempre, ao lado d’O Mistério das Vozes Vulgares, Zé Pedro dos Xutos ou os imbatíveis Tó Quim Guedes). Pelas aldeias de São Pedro da Silva, Águas Vivas e Palaçoulo, no concelho de Miranda do Douro:

O L Burro I L Gueiteiro é um festival itinerante que decorre de 26 a 30 de Julho, pelas aldeias de São Pedro da Silva, Águas Vivas e Palaçoulo, no concelho de Miranda do Douro.

Festival Itinerante da Cultura Tradicional L Burro I L Gueiteiro surge como um esforço de revitalizar e valorizar dois elementos chave da cultura mirandesa – o Burro de Miranda e o tocador de Gaita-de-Fole -, bem como enfatizar a relação tradicional existente entre ambos – era o primeiro quem transportava o segundo até aos arraiais que este ia animar pelas diferentes aldeias do Planalto Mirandês. Assim, este Festival planeado ao longo de meses toma forma em 5 dias de itinerância pelas aldeias de Miranda, levando burros, gaiteiros, teatro, dança e música ao encontro das populações locais, geralmente desprovidas deste tipo de evento cultural.

Este Festival caracteriza-se ainda por ter uma dupla missão: mostrar o melhor do Planalto Mirandês e quebrar, ao mesmo tempo, o estereótipo de uma cultura parada no tempo. Bem pelo contrário, acreditamos que está em constante transformação e que temos, por isso mesmo, a responsabilidade de contribuir com actividades criativas e de qualidade que a estimulem. Isso significa trazer pedaços de outras culturas, mas também repensar o contacto com o que é de cá, e que continuamos a privilegiar.

É um evento a pensar em todos – miúdos e graúdos – os que gostam de caminhadas por percursos bonitos, de refeições apetitosas, de sestas burriqueiras, de oficinas instrutivas, de boa música e de muita festa.

Relaxe, Passeie, Descanse, Divirta-se – sempre com calma, sem pressas. Entre no espírito do festival e venha BURRICAR COM VAGAR!

Programa

Quarta-feira, 26 de Julho de 2017
Aldeia de São Pedro da Silva

Das 17h00 às 19h30 e das 21h30 às 23h00
Abertura da 15ª edição do Festival L Burro I L Gueiteiro
Recepção dos participantes

A partir das 20h00
Caldo verde e petiscos variados

22h00
Animação com os alunos da Escola de Música Tradicional da Lérias Associação Cultural

****

Quinta-feira, 27 de Julho de 2017
Percurso circular com início na aldeia de São Pedro da Silva

10h00 Passeio com o Burro de Miranda ao som da gaita-de-fole
13h00 Piquenique no lameiro
14h30 Sesta Burriqueira
16h00 Continuação do Passeio
18h00 A Guerra de Junqueiro, T.R.E.T.A.S. – Teatro Rural, Experimental em Terreiros, Auditórios e Salões
20h00 Jantar
22h00 Concerto
O Lendário Homem do Trigo
Roncos do Diabo

****

Sexta-feira, 28 de Julho de 2017
Percurso entre a aldeia de São Pedro da Silva e Palaçoulo

10h00 Continuação do Passeio com o Burro de Miranda ao som da gaita-de-fole
13h00 Piquenique no lameiro
14h30 Sesta Burriqueira
16h00 Continuação do Passeio
18h30 A Visita, Teatro Invisível
19h00 – 21h00 Comemoração do Dia Mundial da Conservação da Natureza
20h00 Jantar
22h00 Actuação do Grupo de Pauliteiros de Palaçoulo
22h30 Concertos
Senhor Camaleão
Torga

***********

Sábado, 29 de Julho de 2017
Aldeia de Palaçoulo

10h00 – 12h30 Actividades diversas (ponto de encontro: Lameiro da Festa)

Percurso Industrial pela aldeia de Palaçoulo.
Vamos a banhos, na piscina da aldeia de Palaçoulo.
Visita o Museu da Terra de Miranda.
Visita o Centro de Música Tradicional Sons da Terra.
À conversa com a Palombar sobre as aves do Planalto Mirandês

13h00 Almoço no salão da aldeia de Palaçoulo
15h00 Actuação do Coro infantil da EB de Miranda do Douro. Local: Lameiro da Festa.
16h30 Oficinas

Gaita de fole
Percussão tradicional Mirandesa
Fraita tamborileira
Danças Mistas Mirandesas
Dança dos Pauliteiros
Língua Mirandesa
Cuidados e necessidades do Burro
Cosmética e Boticário Natural
Stencil com pigmentos naturais

16h30 Oficina para crianças: Vem conhecer o Rupis e com ele vamos ajudar os animais selvagens
18h30 Concerto de Carlos Batista
20h00 Jantar
22h00 Concertos
Segue-me à Capela
Galandum Galundaina

****

Domingo, 30 de Julho de 2017
Percurso circular “Trilho das Cavernas” com início na aldeia de Palaçoulo

10h00 Continuação do passeio com o Burro de Miranda ao som da gaita-de-fole
13h30 Piquenique no lameiro
15h00 Sesta Burriqueira
16h00 Continuação do Passeio
18h30 Concerto de Gira Discos
20h00 Jantar
22h00 Concertos
Alma Menor
Barba Dixie Band

E mais…!

Contos e outros sussuros poéticos com Cláudia Fonseca

Mostra de associações, artesanato e produtos locaisAEPGA – Associação para o Estudo e Protecção do Gado Asinino | APVC – Associação para a Protecção do Vale do Coronado | ARJM – Associação Recreativa da Juventudo Mirandesa | ALCM – Associação de Língua e Cultura Mirandesa | Associação de Centro de Música Tradiconal Sons da Terra | CERAI – Centro de Estudios Rurales y de Agricultura Internacional Contabandistas de Estórias Associação Cultural Frauga – Associação para o Desenvolvimento Integrado de Picote |Lérias – Associação Cultural | Palombar – Associação de Conservação da Natureza e do Património Rural | Sons da Música | Urban Sketchers | Produtores e Artesãos locais

Em permanência durante todo o Festival:
Massajar com vagar

Nota: A organização reserva-se o direito de alterar o programa.

Saiba mais e inscreva-se aqui