Sebastião Antunes : Singular

Sebastião Antunes_capa

 

 

Sebastião Antunes

Singular

AVM – Alain Vachier Music

 

Ao desafio de Alain Vachier de fazer um disco acústico com voz e guitarra e só com baladas que assinou ao longo de trinta anos de carreira na música – com os seus Quadrilha ou a solo -, como se estivesse numa reunião de amigos em amena cavaqueira e convívio, Sebastião Antunes respondeu com “Singular”, um disco bem concebido, recheado de uma série de baladas imaginativas e bem construídas, cantadas, segundo o seu desafiador e editor, com muito amor, prazer e criatividade…

O disco, que apresenta um design de capa belíssimo (excelente o trabalho de António Faria), é mais um trabalho apelativo, bem conseguido e bem cantado, que afinal tem sido sempre apanágio de Sebastião Antunes, que para o valorizar ainda mais chamou para colaborar no projecto três trunfos musicais importantes como são sem dúvida Tito Paris (no tema bónus), Ana Laíns e Pedro Mestre.

A música popular portuguesa está em festa pois trinta anos de carreira, em prol da música, comemorados com o lançamento do décimo disco, é feito de que nem todos se podem gabar; porém Sebastião Antunes está entre os poucos que se podem orgulhar disso e com toda a propriedade, convenhamos!

João Afonso

(Uma partilha O Fado & Outras Músicas do Mundo/Escolhas de João Afonso/Tradisom)